Prefeitura e Santa Casa avaliam retorno do hospital de campanha Covid-19

0

As ações de combate à pandemia da Covid-19 estão sendo desenvolvidas pela prefeitura de Lorena desde o começo do ano, quando a atual administração assumiu o Governo Municipal.

Uma das medidas, em parceria com a Santa Casa, será o retorno do Hospital de Campanha dentro da unidade hospitalar, à rua Dom Bosco, na área central do município.

A estrutura com tendas, que deverá ser montada em breve, será semelhante a do ano passado, quando o país enfrentava o pico da doença pela primeira vez. Considerado mais amplo, o espaço poderá receber melhor os pacientes com os sintomas do vírus.

Em reunião com os representantes do hospital, o secretário de Saúde, Antônio Carlos Fabreti, contou que a Santa Casa será responsável pela instalação da unidade. “Já estamos atrás das pessoas para fazer a montagem das tendas para iniciarmos, porque o número de atendimentos está elevado”.

Com o retorno do Hospital de Campanha, os moradores deverão, após o início dos acolhimentos, acessar a entrada desta nova unidade, que ainda será instalada. Com isso, o atual acesso ao Pronto-Atendimento Covid-19, será desativado temporariamente. “Facilita mais o trabalho da enfermagem, dos médicos e os pacientes ficam melhor acomodados”, acrescentou.

VACINAÇÃO COVID-19: Representantes da Secretaria de Saúde reuniram com membros da DRS Taubaté (Departamento Regional de Saúde), na sexta-feira (8), projetando como será a estrutura de imunização na região.

O Governo do Estado anunciou o começo da aplicação da CoronaVac, do Instituto Butantan, para o dia 25 deste mês inicialmente. “Estamos preparados, temos câmaras frias. Será feito um cronograma para a população se imunizar”, antecipou Fabreti.

Assim que chegarem ao município, as doses serão aplicadas nas Unidades Básicas de Saúde e nas Estratégias de Saúde da Família, em diversos bairros de Lorena. “Ainda vamos estender em um ou dois pontos da cidade a aplicação da vacina, até às 22h, para quem não puder tomá-la no horário de serviço”, projetou.

Em alguns sábados, em datas que serão definidas pela Saúde, a vacina será disponibilizada na praça Arnolfo de Azevedo, no centro. “Vamos fazer um mutirão e montar uma tenda na praça, com enfermeiras, que farão a aplicação da vacina. Faço um pedido à população que vacine-se, esqueçam todos os comentários que estão sendo feitos, essa vacina é segura”, orientou.

11-01-2021 Hospital de Campanha

Share.

Leave A Reply

...